Claudinho: craque do Brasileirão

O Red Bull Bragantino foi a grande sensação do Brasileirão. E a fera que comandou o Massa Bruta na competição fez barba, cabelo e bigode nas premiações individuais. O meia Claudinho levou a Bola de Ouro na tradicional premiação da ESPN que elegeu a seleção do Campeonato Brasileiro 2020. E a festa foi toda do camisa 10 de Bragança. Claudinho também levou o troféu de revelação do campeonato, e além disso foi premiado como artilheiro da competição ao lado de Luciano, do São Paulo.

Como se não bastasse, Claudinho também levou o troféu de revelação e craque do Brasileirão na premiação da CBF. Premiação justa para essa craque que voou baixo fazendo 18 gols e dando seis assistências, sendo o jogador que mais participou diretamente de gols na competição. Além dos gols e assistências, jogadas, dribles e arrancadas deixaram os adversários de cabelo em pé.

Confira a seleção da Bola de Prata ESPN:

Goleiro: Weverton (Palmeiras)
Lateral-direito: Maurício Isla (Flamengo)
Lateral-esquerdo: Guilherme Arana (Atlético-MG)
Zagueiros: Gustavo Gomez (Palmeiras); Junior Alonso (Atlético-MG)
Volantes: Edenilson (Internacional); Gerson (Flamengo)
Meias: Claudinho (Red Bull Bragantino); Arrascaeta (Flamengo)
Atacantes: Luciano (São Paulo), Marinho (Santos)
Revelação: Claudinho (Red Bull Bragantino)
Treinador: Rogério Ceni (Flamengo)
Bola de Ouro: Claudinho (Red Bull Bragantino)

E aí, o Claudinho cabe no seu time?

Comentários

Postagens mais visitadas