Pelé e Beckenbauer juntos no New York Cosmos!

Imagine uma seleção mundial onde atuariam nomes consagrados como os holandeses da famosa “Laranja Mecânica” de 1974 Johan Neeskens e Johan Cruijff, o polonês Wladyslaw Zmuda, o italiano Giorgio Chinaglia, o paraguaio Romerito, o “Kaiser” alemão Franz Beckenbauer e os brasileiros tricampeões mundiais em 1970 no México Carlos Alberto Torres e o Rei Pelé.

Imaginou? Esse time existiu de fato. O nome: New York Cosmos, clube norte-americano que ganhou destaque nos anos 70 e 80 por montar times que eram constelações de astros mundiais.

Pelé e Beckenbauer atuaram juntos e foram campeões. Taticamente, Franz foi excepcional. Começou como meia avançado e foi recuando, sendo símbolo como líbero moderno e exemplo de líder, campeão de tudo pelo Bayern e pela Alemanha. Tecnicamente, Edson foi genial. Aliou jogadas de efeito a uma eficiência que lhe permitiu marcar seus mais de mil gols e conquistar todos os títulos possíveis pelo Santos e pelo Brasil.

Sorte de quem pôde ver essas lendas jogando. Juntos então, a sorte é dobrada!

Comentários

Postagens mais visitadas